sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Solidão no meio da multidão!

Quando olhas à tua volta,
vés te rodeada por muita malta.
Mas será que alguem
realmente te vé bem?

Corres para ali, corres para acolá,
sempre atarefada, cumprimentas ... olá!
Chegas a casa, a rotina continua,
cantas, cozinhas, arrumas ... ficas muda.

Não estás sozinha, claro tens familia!
Mas termina o jantar e cada um "vai à sua vida".
Continuas com muitas tarefas por fazer,
ainda há muita labuta até adormecer!

Mesmo quando tens um tempinho para descansar,
será que o queres realmente aproveitar?
Se não estás ocupada fisica e mentalmente,
Pensas e pensas ..... cuidado, ainda ficas doente!!!

Por isso corres a casa de uma ponta à outra,
até pode ser que alguem esteja a trás da porta?
Alguem quem queira partilhar contigo,
tuas tristezas, tuas alegrias ... um ombro amigo.

Conclusão: Podemos ter a casa cheia e um enorme leque de ditos amigos, mas mesmo assim morrer de solidão e com o coração destroçado.

Bom fim de semana para todos e uma grande beijoca
Leonilde / Lilinha

1 comentário:

Susana Gatita disse...

Olá Leonilde,
Espero que esteja tudo bem contigo...A vida é mesmo assim, por vezes todos temos momentos de solidão. Até se costuma dizer "tanta gente e ninguém"
Há que dar a volta por cima. Um beijinho